24
Sex, Nov

Devocional
Fontes

17 de junho de 2017

Leitura Bíblica: Mateus 27.13-18

O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha (1Co 13.4).

A questão da inveja rendeu algumas páginas da Bíblia. A inveja é um sentimento que desde o princípio trouxe muitas turbulências à vida de homens e mulheres de Deus. Abel foi morto por seu irmão Caim porque este invejava aquele (Gn 4.4-5). Ismael caçoava de seu irmão mais novo, Isaque, porque o invejava (Gn 21.9). José foi perseguido e vendido pelos seus irmãos porque estes invejavam os seus sonhos (Gn 37.19). Daniel foi jogado na cova dos leões porque seus companheiros políticos invejavam seu relacionamento com o rei (Dn 6.16). E, entre outras histórias bíblicas em que a inveja gerou transtornos, pelo menos dois relatos do evangelho registram que o próprio Senhor foi entregue pelos judeus, para ser crucificado, por motivo de inveja (Mt 27.18; Mc 15.10).

O que todas estas histórias sobre a inveja têm em comum? Entre outras coisas, que a inveja não altera em nada os planos de Deus. E sempre é melhor ser invejado que invejoso. Ser invejado é sinal de que tenho algo que outro não tem. Invejar, porém, é claro sinal de insatisfação com a própria vida e com o Senhor, o autor da vida. Ser invejado pode trazer situações difíceis no meio do caminho, mas deixar-se dominar pela inveja é ruína certa. Por isso, o Senhor pôde deixar a seguinte mensagem aos seus discípulos: se você é perseguido por causa da inveja de outros, não se defenda, antes silencie e encha-se de alegria, pois assim perseguiram os profetas que viveram antes de vocês (Mt 5.11-12). Cuidem para que a inveja não tome conta do coração de vocês. Sejam humildes, reconheçam este sentimento diante do Pai enquanto ainda está no começo, e conseguirão dominá-lo (Gn 4.6-7). Jamais se comparem com outros. Vocês são criação única, singular (Sl 139). E, como vacina contra a inveja, agrade-se do Senhor, e ele satisfará os desejos do seu coração (Sl 37.4). – ALS

O coração em paz dá vida ao corpo, mas a inveja apodrece os ossos (Pv 14.30).

Cadastre o seu e-mail para receber informações e novidades sobre o nosso portal.